Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Bom dia.

    Estou em fase de construção e para contenção de custos, optei por colocar PRH e abdicar das placas de granito bojardado 1,5 ou 2cm coladas no ETCIS.

    O isolamento da casa está a ser feito na seguinte ordem do interior para o interior:
    Gesso Cartonado,
    Lã de Rocha,
    Bloco térmico 25cm,
    ETICS 8cm Piso de Cima. ETICS 6cm R/C
    Acabamento e pintura.

    Inicialmente tinha previsto placas de granito bojardo no piso R/C contudo agora a ideia seria pintar com cor escura no R/C e branco no piso superior.

    Gostava de poder mais tarde colocar placas de granito Vila Real 1,5cm ou 2mc coladas no R/C mas sobra um dúvida, o friso/pingadeira.

    Os dois pisos tem a mesma saída (largura)em termos de estrutura. A diferença entre pisos so poderá ser criada pelo ETICS.

    Perguntas:

    1. É importante deixar friso/pingadeira entre um piso e o outro para não deixar marcas de água?

    2. Se sim, qual a diferença que deve ser proposta. 8cms em cima e 4 no R/C? Deixo 4 de friso/pinagdeira e se colar perda mais tarde ainda sobre 1cm para friso\pingadeira?

    3. Ou 8cm em cima e 5 em baixo, 3 cm de diferença serão suficientes?

    Obrigado
      Screenshot 2022-11-23 at 11.49.44.png
      Screenshot 2022-11-23 at 11.52.37.png
      Screenshot 2022-11-23 at 11.49.15.png
  2.  # 2

    Porque tem isolamento pelo interior e exterior? Quem decidiu isso?
  3.  # 3

    Colocado por: DR1982Porque tem isolamento pelo interior e exterior? Quem decidiu isso?



    Acho que está assim no projeto térmico e a empresa de construção faz sempre cartonado com la de rocha nas paredes todas por norma. Penso que não é muita la de rocha. Se não tivesse ETICS teria de ser bem mais.
  4.  # 4

    Colocado por: reator22


    Acho que está assim no projeto térmico e a empresa de construção faz sempre cartonado com la de rocha nas paredes todas por norma. Penso que não é muita la de rocha. Se não tivesse ETICS teria de ser bem mais.
    Dessa forma deixa de tirar partido da inércia térmica da casa
  5.  # 5

    Colocado por: reator22Acho que está assim no projeto térmico

    Não é propriamente uma boa solução

    Colocado por: reator22a empresa de construção faz sempre cartonado com la de rocha nas paredes todas por norma

    Isso ainda é pior. Significa que a empresa não cumpre os projetos mas sim aquilo que acha que deve fazer
  6.  # 6

    Pois.. não sei.. penso que está tudo calculado no projecto térmico! A minha dúvida está relacionada com os frisos e estética.. mas vou levantar essa questão
    •  
      SEEING
    • há 3 dias editado

     # 7

    Colocado por: reator22É importante deixar friso/pingadeira entre um piso e o outro para não deixar marcas de água?

    Se optar ter diferentes profundidades para os 2 pisos, mantenha uma diferença de 2cm com pingadeira.
    Utilize por exemplo o acessórios abaixo terminando a frente com o perfil de pingadeira.
    null

    Colocado por: reator22Gostava de poder mais tarde colocar placas de granito Vila Real 1,5cm ou 2mc coladas no R/C

    Não sendo propriamente a melhor solução para pendurar no sistema ETICS deixe pelo menos o barramento armado feito com a fixação mecânica por cima. Assim cria maior resistência quando pendurar o revestimento em pedra.
    Utilize um bom adesivo para exteriores.
    null
  7.  # 8

    Como tenho o mesmo problema, andei a pesquisar na semana passada sobre o tema.
    Encontrei uma Tese de Mestrado sobre este assunto, onde foram testadas as resistências, entre outras coisas, do sistema capoto quando colocadas peças cerâmicas como revestimento.

    Grosso modo, as conclusão foram estas:

    - Colocar sempre 1 camada de rede. Não houve maior resistência quando colocadas 2 camadas de rede.
    - Placas de XPS muito mais resistentes que as de EPS. Equacionar a colocação de XPS na zona da fixação da cerâmica;
    - Prever muito bem as juntas entre as peças de cerâmica;
    - Utilizar cimentos cola de elevadas prestações e betumes de elevada qualidade e hidro repelência.

    Posto isto, diz-me o instalador que vamos colocar as peças embutidas na massa, em vez de as colocar por cima do sistema.

    Mas eu pretendo só colocar uma barra de cerâmica...
  8.  # 9

    Colocado por: PalmixComo tenho o mesmo problema, andei a pesquisar na semana passada sobre o tema.
    Encontrei uma Tese de Mestrado sobre este assunto, onde foram testadas as resistências, entre outras coisas, do sistema capoto quando colocadas peças cerâmicas como revestimento.

    Grosso modo, as conclusão foram estas:

    - Colocar sempre 1 camada de rede. Não houve maior resistência quando colocadas 2 camadas de rede.
    - Placas de XPS muito mais resistentes que as de EPS. Equacionar a colocação de XPS na zona da fixação da cerâmica;
    - Prever muito bem as juntas entre as peças de cerâmica;
    - Utilizar cimentos cola de elevadas prestações e betumes de elevada qualidade e hidro repelência.

    Posto isto, diz-me o instalador que vamos colocar as peças embutidas na massa, em vez de as colocar por cima do sistema.

    Mas eu pretendo só colocar uma barra de cerâmica...
    Embutidas na massa sem isolamento por baixo?
  9.  # 10

    Colocado por: PalmixPosto isto, diz-me o instalador que vamos colocar as peças embutidas na massa, em vez de as colocar por cima do sistema.

    !? o que é isso?
  10.  # 11

    Colocado por: PalmixEncontrei uma Tese de Mestrado sobre este assunto, onde foram testadas as resistências, entre outras coisas, do sistema capoto quando colocadas peças cerâmicas como revestimento.


    Colocado por: Palmix- Prever muito bem as juntas entre as peças de cerâmica;
    - Utilizar cimentos cola de elevadas prestações e betumes de elevada qualidade e hidro repelência.

    Estas compreendo.

    Colocado por: Palmix- Colocar sempre 1 camada de rede. Não houve maior resistência quando colocadas 2 camadas de rede.
    - Placas de XPS muito mais resistentes que as de EPS. Equacionar a colocação de XPS na zona da fixação da cerâmica;

    Estas não compreendo.
    - 2 redes? Maior resistência mecânica? Se vão aplicar peças cerâmicas porque ponderar aumentar a resistência à perfuração e/ou à compressão com 2 redes?
    - O XPS tem um módulo de elasticidade maior pelo que absorve menos movimentos do suporte quando comparado por exemplo com o EPS. Para mim não faz sentido.

    Como não sou Mestre...pode estar a escapar-me alguma coisa!!!!
  11.  # 12

    Afinal não esta a lá de Rocha.
      Screenshot 2022-11-24 at 11.15.32.png
  12.  # 13

    Ou seja o empreiteiro decidiu complicar, normal
  13.  # 14

    Colocado por: DR1982XPS tem um módulo de elasticidade maior pelo que absorve menos movimentos do suporte quando comparado por exemplo com


    não. o isolamento que é de 5cm, ficará de 4 naquela zona, para que as placas de ceramica fiquem embutidas dentro.
  14.  # 15

    - 2 redes? Maior resistência mecânica? Se vão aplicar peças cerâmicas porque ponderar aumentar a resistência à perfuração e/ou à compressão com 2 redes?

    testa-se a capacidade que o sistema terá contra o arrancamento das peças. Há muito a ideia que se meter 2 camadas de rede vai dar maior capacidade ao sistema de aguentar a placa sem a deixar cair. Em teste laboratorial concluiu-se que é falsa esta ideia.
    O arrancamento dá-se sempre por quebra das partículas do EPS, por isso o XPS é muito mais resistente.

    Veja a foto em anexo, onde se demonstra bem aquilo que eles concluiram.
      13.jpg
  15.  # 16

    Colocado por: Palmixtesta-se a capacidade que o sistema terá contra o arrancamento das peças. Há muito a ideia que se meter 2 camadas de rede vai dar maior capacidade ao sistema de aguentar a placa sem a deixar cair. Em teste laboratorial concluiu-se que é falsa esta ideia.
    O arrancamento dá-se sempre por quebra das partículas do EPS, por isso o XPS é muito mais resistente.

    Perfeito.
    Se está satisfeito com essas conclusões de uma tese de Mestrado, ótimo.
    Os meus conselhos derivam apenas da experiência.
  16.  # 17

    "...de uma tese de Mestrado"
    Precious...

    Não entendi, qual é a sua contrariedade?
  17.  # 18

    Deixo só as conclusão (a nível de arrancamento) do teste:

    NOTA: Face A EPS e Face B XPS
      14.jpg
  18.  # 19

    Uma coisa são os ensaios com peças recortadas, outra é com as peças cerâmicas completas, existe uma maior superfície de contacto e os pontos fracos serão efetivamente as juntas ou fissuras nas peças cerâmicas. Parece-me que uma base forte e rígida (com 2 redes tem teoricamente o dobro da rigidez) oferece uma melhor garantia de estabilidade, e isto é pura física.
    Uma pormenor importante mesmo é o uso de buchas desde a superfície da rede até à alvenaria, atravessando o isolamento.
    Concordam com este comentário: eu
  19.  # 20

    Colocado por: PalmixNão entendi, qual é a sua contrariedade?

    Eu não tenho qualquer contrariedade, se o seu comentário me era dirijido.
    Acho apenas interessante estar-se a analisar a capacidade de um sistema ETICS poder ou não suportar peças cerâmicas (diria >20Kg/m2) e não se considerar uma fixação mecânica ou ainda esta ser realizada por cima do barramento armado.


    Por outro lado sendo uma caraterística do próprio material XPS, tendo o módulo de elasticidades maior do que por exemplo um EPS ou uma lá de rocha, o que significa que sendo mais "rígida" terá dificuldade em gerir tensões da base e "quem" terá que lidar com essas tensões? Os revestimentos (Revestimento + adesivo).

    O colapso com peças pesadas, pela minha experiência, dá-se no barramento armado, isto mesmo com fixação mecânica que na tese que refere não está incluída...salvo erro meu que não a li!


    Mas como lhe disse eu não sou Mestre, nada contra os títulos...nunca submeti uma tese de mestrado.
    É apenas a minha opinião rudimentar, baseada na experiência.

    Colocado por: PalmixParece-me que uma base forte e rígida (com 2 redes tem teoricamente o dobro da rigidez) oferece uma melhor garantia de estabilidade, e isto é pura física.

    A intenção deveria ser sempre garantir (ou tentar) a estabilidade do barramento armado, local onde vai ficar pendurado o revestimento pesado. Mesmo que aplique 2 redes sem fixação mecânica por cima da rede a maior/menor dificuldade ao arrancamento pouco altera. Melhora a resistência à compressão e à perfuração mas não vejo o que tem a ver para o caso!!

    Colocado por: Vítor MagalhãesUma pormenor importante mesmo é o uso de buchas desde asuperfícieda rede até à alvenaria, atravessando o isolamento.

    Exatamente e na minha, mais uma vez rudimentar, opinião bucha com prego metálico.
 
0.0227 seg. NEW