Iniciar sessão ou registar-se
    • mrsp
    • 24 Junho 2020

     # 1

    Olá a todos,

    Após bastante procura de um imóvel para aquisição como habitação própria permanente, encontrei um imóvel para o qual fiz proposta, a qual foi aceite por parte do vendedor.

    Neste momento, estou a avançar com o pedido de crédito habitação junto de várias entidades bancárias, por forma a obter aprovação antes da passar à assinatura do Contrato de Promessa de Compra e Venda ("CPCV").

    O imóvel em questão encontrava-se no mercado por Euro 135k, tendo acordado com o vendedor a compra por Euro 120k.

    Para efeitos da compra, irei pagar 10% com capitais próprios (Euro 12k) e irei solicitar o crédito habitação para os restantes 90% (Euro 108k). Tenho disponível o restante montante para o pagamento das comissões bancárias do processo, IMT e Imposto do Selo, que estimo que ascendam a Euro 4k.

    Estou prestes a fazer 30 anos, tenho um contrato como efetivo desde 2018, o meu vencimento bruto mensal é de Euro 2.100, ao qual acrescem Euro 159 a título de subsídio de alimentação, sendo que o meu vencimento liquido é ligeiramente superior a Euro 1.500.

    Irei solicitar o crédito habitação a título individual e, se possível, gostaria de evitar ter fiadores. É importante referir que não tenho qualquer outro crédito - apenas o meu cartão de crédito, o qual pago a 100% todos os meses.

    As três melhores propostas que recebi (pré-aprovação de crédito, a qual sei que ainda será sujeita a avaliação final), foram por parte do Santander (com seguro de vida através da Real Vida Seguros), BPI (com seguro de vida através da Real Vida Seguros) e Eurobic - em todas as propostas, o crédito habitação foi com base em taxa variável durante toda a duração do contrato.

    Em traços gerais, o Satander apresenta uma TAEG de 1,67%, o BPI de 1,69% e o Eurobic de 1,70%, para o crédito habitação correspondente ao montante pedido (90& da escritura), com um prazo de 40 anos. A minha taxa de esforço, tendo em conta as propostas apresentadas fica ligeiramente abaixo dos 20%.

    As minhas questões, que sou novo nestas andanças, são:

    1. Estas propostas estão em linha com o mercado? Fiz uma simulação com o ComparaJá e parece-me que sim, mas é sempre bom ter mais comentários.

    2. Quais as vossas opiniões sobre o Satander, BPI e Eurobic e sobre a possibilidade de contratar o seguro de vida com a Real Vida Seguros?

    3. Algum ponto adicional que seja importante?

    Obrigado, desde já, a todos!
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

  2.  # 2

    Qual é o spread de cada um deles? E custos associados?
    Eu ano passado quando andei a pedir propostas o do Santander era o pior de todos
    • Sira
    • 25 Junho 2020

     # 3

    Fazer o seguro de vida fora do banco pode traduzir-se numa poupança muito significativa ao longo do prazo, acho que faz muito bem em querer ir por aí.
    Com a sua idade a diferença pode não parecer muita, mas daqui a uns anos vai "doer".

    E aconselho a que opte por ter ITP, porque nunca se sabe o dia de amanhã.


    Se quiser, terei todo o gosto em ajudar com essa parte (do seguro de vida).
  3. Procura serviços ou materiais para a sua casa? Contrate quem ajuda no fórum.

  4.  # 4

    Essa TAEG não está muito baixa?
  5.  # 5

    Colocado por: VarejoteEssa TAEG não está muito baixa?


    Esse valor deve-se ao seguro de vida ser feito fora do banco, os valores que normalmente vê têm como princípio que os seguros sejam feitos no banco.
    • mrsp
    • 25 Junho 2020 editado

     # 6

    Colocado por: OvelheiroQual é o spread de cada um deles? E custos associados?
    Eu ano passado quando andei a pedir propostas o do Santander era o pior de todos


    As TANs para cada um deles são de:

    Santander - 1,057%
    BPI - 1,119%
    Eurobic - 1,057%

    Estes valores estão alinhados com o mercado?

    Entretanto, como tenho a minha conta ordenado no ActivoBank há vários anos, também pedi uma simulação, a qual ainda aguardo.
    • mrsp
    • 25 Junho 2020

     # 7

    Colocado por: VarejoteEssa TAEG não está muito baixa?


    Sou novo nestas andanças e é a primeira vez que irei pedir um crédito habitação, pelo que, não estou tão por dentro do tema. Mas pelo seu comentário, parece-me que serão valores competitivos, certo?
    • mrsp
    • 25 Junho 2020

     # 8

    Colocado por: JoseMarques123

    Esse valor deve-se ao seguro de vida ser feito fora do banco, os valores que normalmente vê têm como princípio que os seguros sejam feitos no banco.


    No cálculo da TAEG já vem incluido o seguro e, no caso do Eurobic, o seguro é feito com o banco (apenas no caso do BPI e do Santander é feito com a Real Vida Seguros).
  6.  # 9

    Colocado por: mrsp

    As TANs para cada um deles são de:

    Santander - 1,057%
    BPI - 1,119%
    Eurobic - 1,057%

    Estes valores estão alinhados com o mercado?

    Entretanto, como tenho a minha conta ordenado no ActivoBank há vários anos, também pedi uma simulação, a qual ainda aguardo.


    E o Spread?
    • mrsp
    • 25 Junho 2020

     # 10

    Colocado por: Ovelheiro

    E o Spread?


    O Spread é igual em todos eles: 1,2% (cumprindo as condições de bonificação).
  7.  # 11

    Soma a Euribor 12 meses ao valor da tan...
  8.  # 12

    Colocado por: mrsp

    O Spread é igual em todos eles: 1,2% (cumprindo as condições de bonificação).


    Se foi no comparajá eles nao têm 2 spreads na FINE?
    Duvido muito que no final obtenha esse spread, veja no seu banco pois é o que o conhece melhor.
    • mrsp
    • 25 Junho 2020

     # 13

    Colocado por: Ovelheiro

    Se foi no comparajá eles nao têm 2 spreads na FINE?
    Duvido muito que no final obtenha esse spread, veja no seu banco pois é o que o conhece melhor.


    Contactei o BPI e o Santander e estou neste momento a aguardar pela proposta "final", por forma a confirmar se o spread se mantém.

    Com o ActivoBank, que o banco onde tenho conta, consigo um spread de 1%, mas os custos de processamento e outras despesas fazem com que o MTIC seja superior ao BPI e ao Santander.
    • mrsp
    • 25 Junho 2020

     # 14

    Colocado por: SiraFazer o seguro de vida fora do banco pode traduzir-se numa poupança muito significativa ao longo do prazo, acho que faz muito bem em querer ir por aí.
    Com a sua idade a diferença pode não parecer muita, mas daqui a uns anos vai "doer".

    E aconselho a que opte por ter ITP, porque nunca se sabe o dia de amanhã.


    Se quiser, terei todo o gosto em ajudar com essa parte (do seguro de vida).


    Neste momento, o que estou a considerar é começar com o IAD e, mais tarde, fazer a passagem para o ITP. De acordo com o que a seguradora me disse, esta é uma alternativa possível.
    • RMDR
    • 25 Junho 2020

     # 15

    Colocado por: mrsp

    Sou novo nestas andanças e é a primeira vez que irei pedir um crédito habitação, pelo que, não estou tão por dentro do tema. Mas pelo seu comentário, parece-me que serão valores competitivos, certo?


    Sim são competitivos.
    No Santander ainda pode usufruir de spread de 1% nos primeiros 6 meses se cliente Mundo 123.
    No EuroBic e Santander o indexante é EUR6M...já no BPI é outro indexante julgo que EUR12M
  9. Ícone informação Anunciar aqui?

    • Sira
    • 25 Junho 2020

     # 16

    Colocado por: mrspNeste momento, o que estou a considerar é começar com o IAD e, mais tarde, fazer a passagem para o ITP. De acordo com o que a seguradora me disse, esta é uma alternativa possível


    Sim, pode fazer isso. O contrário é que o banco dificilmente aceitaria.

    Pode sempre mudar desde que não aconteça nada que possa inviabilizar o pedido da ITP, claro. Enquanto as coisas estão bem é tudo fácil, quando acontece algo menos bom, já ninguém assume o risco. E infelizmente conheço algumas pessoas que já poderiam ter a casa paga caso tivessem optado pela (nossa) ITP.

    Desejo-lhe sorte e peço-lhe que vá partilhando aqui as suas conclusões, também estou mais ou menos na mesma fase mas no meu caso é um pouco mais restrito porque nem todos os bancos emprestam para construção.
    • ig8
    • 25 Junho 2020

     # 17

    Colocado por: Siranem todos os bancos emprestam para construção.

    Se mostrar que tem condições para tal, porque não hão-de emprestar?
    • Sira
    • 25 Junho 2020

     # 18

    Colocado por: ig8
    Se mostrar que tem condições para tal, porque não hão-de emprestar?


    Não lhe sei responder, mas alguns já me disseram que não têm crédito para auto-construção. Se calhar é negócio que não lhes interessa, com tanta casa que fica parada. Mas nem sequer pedem quaisquer informações para analisar, simplesmente dizem que não fazem.
    • ig8
    • 25 Junho 2020

     # 19

    Colocado por: SiraNão lhe sei responder, mas alguns já me disseram que não têm crédito para auto-construção. Se calhar é negócio que não lhes interessa, com tanta casa que fica parada. Mas nem sequer pedem quaisquer informações para analisar, simplesmente dizem que não fazem.


    Estás a dar-me uma novidade. aos bancos interessa ganhar dinheiro seja de que forma for. eles emprestarem €€ para comprar ou construir pouca diferença lhes deve fazer.. vão lucrar das duas formas!
  10.  # 20

    Colocado por: SiraNão lhe sei responder, mas alguns já me disseram que não têm crédito para auto-construção. Se calhar é negócio que não lhes interessa, com tanta casa que fica parada. Mas nem sequer pedem quaisquer informações para analisar, simplesmente dizem que não fazem.


    pensava que teoricamente todos tinham. Na primeira pesquisa que fiz, houve muitos que dizeram que as propostas deles nesta area não era competitiva face aos outros bancos. Uma forma simpática de dizerem que é negócio que não lhes interessa.

    agora dizerem taxativamente que não pode ser sinal da mudança dos tempos
    Concordam com este comentário: ig8
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">