Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 61

    Colocado por: riscos

    Nao tem pormenor porque provavelmente o projeto que tem esta todo desenhado pelo programa de calculo e nao devem ter tido o cuidado de colocar esse pormenor que o programa nao inclui


    Sim, também acho que foi mesmo isso que aconteceu
  2.  # 62

    Eu pensava que isso se chamava ensoleiramento geral

    No ensoleiramento essa laje serve de fundação e os pilares nascem daí. No caso que se fala a estrutura tem as fundações "normais" com sapatas e a laje não serve de fundação. Como é evidente as exigências (espessura e armaduras) de uma laje de ensoleiramento são diferentes (maior espessura e maior armadura)
    Concordam com este comentário: Dos Santos, riscos, trabalharmuitobem
    Estas pessoas agradeceram este comentário: jorgferr, agosto07
  3.  # 63

    Colocado por: agosto07"As sapatas estão interligadas através de lintéis de fundação por forma a minimizar possíveis assentamentos diferenciais."

    copy/paste na MD da estabilidae...
  4.  # 64

    Colocado por: Pedro Barradascopy/paste na MD da estabilidae...


    Pronto, ok, esclarecido!!!
  5.  # 65

    Colocado por: zedasilva
    Tem.
    Evita os condensados, dependendo da profundidades que é preciso escavar para encontrar terreno firme, pode ser uma boa solução.


    Zedasilva, no post #18 quando mencionou as vantagens do piso térreo relativamente ao desvão, não percebi o que queria dizer com isto....
  6.  # 66

    Colocado por: agosto07

    Zedasilva, no post #18 quando mencionou as vantagens do piso térreo relativamente ao desvão, não percebi o que queria dizer com isto....


    O fiscal hoje não lhe vai responder pois hoje é dia de lavar o trator.
      A0R1772.png
  7.  # 67

    Pois também tem direito....verdade seja dita;)
    Concordam com este comentário: Dos Santos
  8.  # 68

    Colocado por: agosto07Pois também tem direito....verdade seja dita;)


    Porra é o que eu digo , os malandros é que têm sorte.

    Só eu não tenho direito a nada...
    Concordam com este comentário: two-rok
  9.  # 69

    Colocado por: agosto07Quando vi a foto do post #6 só me ocorreu esta lembrança; "aí quem me dera!!!"

    E porque não?

    Colocado por: clasusAlguém pode explicar?

    Aquele tijolo vai apodrecer e desfazer-se todo com o tempo

    Colocado por: agosto07Zedasilva, no post #18 quando mencionou as vantagens do piso térreo relativamente ao desvão, não percebi o que queria dizer com isto.

    Por exemplo evitar os condensados.
  10.  # 70

    Numa situação de betão de limpeza + ensoleiramento geral + cupolex + lâmina de compressão + isolamento térmico + pavimento em betão polido, acham que o betão de limpeza e o ensoleiramento devem ser isolados?
  11.  # 71

    Sim, tem razão.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Freis
  12.  # 72

    Colocado por: clasus
    Para além de outros problemas, o facto de a cofragem do betão ter sido feita em tijolo é má ideia? Porquê? Só me ocorre a ideia de ser mais difícil aplicar o flintkote.

    Se for tijolo de cimento não há problema
    Estas pessoas agradeceram este comentário: jpedrocarvalho
  13.  # 73

    Tijolo é de barro. Bloco é de cimento ;)
    Concordam com este comentário: Dos Santos, trabalharmuitobem
  14.  # 74

    Colocado por: Pedro BarradasTijolo é de barro. Bloco é de cimento ;)
    Concordam com este comentário:Dos Santos
    correto
  15.  # 75

    Colocado por: zedasilvaAquele tijolo vai apodrecer e desfazer-se todo com o tempo

    Colocado por: trabalharmuitobemSe for tijolo de cimento não há problema

    Colocado por: Pedro BarradasTijolo é de barro. Bloco é de cimento ;)

    Certo ... Já tinha visto aqui no fórum alguém que fez as cofragens (perdidas) com blocos daí a pergunta. Obrigado pela explicação.
  16.  # 76

    Colocado por: clasus


    Certo ... Já tinha visto aqui no fórum alguém que fez as cofragens (perdidas) com blocos daí a pergunta. Obrigado pela explicação.

    Tijolo apodrece, bloco não
  17.  # 77

    Colocado por: Dos Santos

    Porra é o que eu digo , os malandros é que têm sorte.

    Só eu não tenho direito a nada...


    lol...Ó Dos Santos, estava-me a referir ao pobre do trator, também tem direito a ser lavado ou não?eheh
    Concordam com este comentário: Dos Santos
  18.  # 78

    Colocado por: zedasilva
    E porque não?


    A ver vamos, se vier no CE ainda acredito que possa ser verdade.

    Colocado por: zedasilva
    Por exemplo evitar os condensados.


    A ideia com que fiquei das suas afirmações é que (dependendo dos casos, um caso não são casos) na generalidade quando se tem que escavar muito para encontrar o terreno firme (fixe) compensará optar pelo desvão (este deverá ter altura sempre superior a 60cm's), já quando o "fixe" é superficial ou pouco profundo aí optar pelo piso térreo. Estará correta está minha linha de pensamento?
  19.  # 79

    Colocado por: agosto07Estará correta está minha linha de pensamento?

    Está!
    O problema das fundações começa na fase de projeto.
    Eu diria que em 95% dos casos, o eng da estrutura não tem conhecimento, nem se preocupa em saber qual o tipo de terreno onde vai ser implantada a obra.
    Adota-se uma tensão de segurança padrão, com um coeficiente de ca ga ço alto e “bota a moer”
    Os projetos são chapa 5, quer se trate de um terreno brando quer se trate de um terreno duro.
    Cuidados com impermeabilizações, condensados e outras mariquices, não existem.
    Aquilo fica tudo enterrado, ninguém mais vê.
    Concordam com este comentário: two-rok, Snuffles
  20.  # 80

    Para quê gastar dinheiro em Filipe Couto, numa estrutura construída desta forma?
    Concordam com este comentário: two-rok
      152.JPG
 
0.0779 seg. NEW