Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 41

    Colocado por: F.Santose valor final da obra.
    sai mais barato?
  2.  # 42

    Colocado por: M.....

    Mas é uma malha simples .


    Sr. M..... não fica uma malha simples. Fica uma malha cruzada dentro da estrutura do betão, com pilares em todos os locais necessários de forma a garantir a estabilidade.
  3.  # 43

    Colocado por: antonylemossai mais barato?


    Sim. E será certificada PassivHaus.
    • M.....
    • 25 Julho 2020 editado

     # 44

    Colocado por: F.Santos

    Sim. E será certificada PassivHaus.


    Ja têm o calculo no PHPP ? Vai certificar onde ?
  4.  # 45

    Colocado por: F.SantosDesvão sanitário. Sim ou não?
  5.  # 46

    Colocado por: F.SantosSim. E será certificada PassivHaus.
  6.  # 47

    A algum problema em saber com que empresa ou sistema ICF está a trabalhar uma vez que existem vários em Portugal.
  7.  # 48

    Colocado por: zedasilvaA empresa construtora é a Polyconcept?


    Já vi o site e FB deste empresa alguma coisa a acrescentar....
  8.  # 49

    Colocado por: nwalkerA algum problema em saber com que empresa ou sistema ICF está a trabalhar uma vez que existem vários em Portugal.


    Nenhum. Vou utilizar o sistema da Euromac2, França.
  9.  # 50

    Colocado por: JoelM

    Isto vai ser interessante de seguir... Principalmente porque o primeiro post começa logo com uma dúvida porque o empreiteiro quer fazer desvao sanitário. Para ser passive house acha que pode ter um empreiteiro a mandar palpites e você a tomar decisões num fórum?


    JoelM, acho que não tem nenhuma obra que o empreiteiro não dê palpite. Ou tem? Cabe ao DO acatar ou não em conjunto com os profissionais que o aconselham e são pagos para tal.

    O desvão vai existir, já está em projeto. O que questionei e talvez não tenha me expressado corretamente é o facto de deixar o desvão "vazio" ou "encher" com brita ou outro tipo de material e evitar alguma possível patologia "normal" dos desvãos vazios, como já visto aqui em muitos posts no fórum.

    O facto de "tomar decisões no fórum" não é por ai... acho que aqui se tira algumas informações interessantes e tem muitas que ajudam os DO e tomar decisões mais assertivas.

    Quem quiser compartilhar conhecimento o faz, quem não quer também está no direito de não fazê-lo.
    Concordam com este comentário: andrezo, snob
  10.  # 51

    Colocado por: nwalker

    Já vi o site e FB deste empresa alguma coisa a acrescentar....


    Já tinha lido e visto, mas não tenho nada a acrescentar no sistema que eles utilizam, que é Plastbau.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: nwalker
  11.  # 52

    Colocado por: JoelM

    O que não parece entender é que encher ou não o desvao vai levar a outras soluções construtivas que se não forem adequadas lá se vai a certificação passive house, isto são decisões que devem ser feitas sempre em conjunto com quem vai calcular a térmica e os dados para passive house.


    Tendo desvão , têm as pontes térmicas todas , das sapatas as vigas, e não são desprezíveis , porque não sao menores que xxxxxxx , logo a parte opaca não segue a regra do lápis logo não é passivehouse , ja o material euromac2 esta certificado na database como componente mas a casa deve ser mais uma daquelas que vai a badajoz ! Volto a dizer meta la aqui so um bocadinho do PHPP ?
  12.  # 53

    Colocado por: F.Santos

    Já tinha lido e visto, mas não tenho nada a acrescentar no sistema que eles utilizam, que é Plastbau.
    Estas pessoas agradeceram este comentário:nwalker



    Ok, em relação a sua solução de ICF pode partilhar qual é?

    Tenho alguma muita curiosidade

    Boa obra e boa sorte
  13.  # 54

    Colocado por: nwalker


    Ok, em relação a sua solução de ICF pode partilhar qual é?

    Tenho alguma muita curiosidade

    Boa obra e boa sorte





    Colocado por: F.SantosEuromac2
    Estas pessoas agradeceram este comentário: nwalker
  14.  # 55

    Colocado por: nwalker


    Ok, em relação a sua solução de ICF pode partilhar qual é?

    Tenho alguma muita curiosidade

    Boa obra e boa sorte


    O sistema é Euromac2. Euromac2

    Se quiser deixar o seu contacto, coloco você em contacto com o empreiteiro para mais informações.
  15.  # 56

    Colocado por: F.Santos

    O sistema é Euromac2.Euromac2

    Se quiser deixar o seu contacto, coloco você em contacto com o empreiteiro para mais informações.


    F . Santo , assuma la homem que é o empreiteiro e o vendedor .....
  16.  # 57

    Colocado por: M.....

    Tendo desvão , têm as pontes térmicas todas , das sapatas as vigas, e não são desprezíveis , porque não sao menores que xxxxxxx , logo a parte opaca não segue a regra do lápis logo não é passivehouse , ja o material euromac2 esta certificado na database como componente mas a casa deve ser mais uma daquelas que vai a badajoz ! Volto a dizer meta la aqui so um bocadinho do PHPP ?


    Acho difícil ter pontes térmicas já que toda a parte do desvão é construída também com o sistema ICF (não tem vigas/sapatas), e a laje do RC tem o isolamento da laje com abobadilhas de 25cm de espessura em XPS, fechando o "envelope" do desvão.

    Mas como pareces muito entendido do assunto, acho melhor não contrariar.

    Se a casa é "daquelas que vai a badajoz", peço desculpa, mas sou ignorante para entender tal comentário.
  17.  # 58

    Ainda nao respondeu é onde vai certificar a casa e mostrou o PHPP ......
  18.  # 59

    Colocado por: M.....

    F . Santo , assuma la homem que é o empreiteiro e o vendedor .....


    Não sou mesmo. Nem um, nem o outro.

    Sou empresário de um ramo totalmente diferente, há 2 anos em Portugal, com 20 anos de experiência na área de impressão offset/digital, com foco em packaging e label. Se quiser discutir sobre isto, estou a disposição.
  19.  # 60

    Colocado por: M.....Ainda nao respondeu é onde vai certificar a casa e mostrou o PHPP ......


    Não é minha competência como DO definir quem vai certificar. Está em contrato que tem que ser certificada, ponto final. Isto é responsabilidade técnica/legal de quem vai construir.

    Sobre o cálculo do PHPP, está em desenvolvimento, pois alguns itens estão ainda a ser definidos, como fornecedores e equipamentos de janelas/portas/vidros/hvac/vmc e outros...e como deves saber todos estes "pequenos" detalhes fazem a diferença para o cálculo.