Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Bom dia/tarde/noite caros,

    eu e a minha companheira estamos a começar uma das etapas mais importantes, a nossa casa!
    Decidimos criar este pequeno cantinho (DB: Diário de "bordo") para expor as nossas ideias, progressos e duvidas. Todos estão convidados a dar opiniões construtivas e criativas. Exponham as vossas duvidas assim como faremos com as nossas, no que pudermos ajudar, estejam à vontade!

    Então vamos começar pelo inicio.
    Decidimos fazer casa enquanto estamos em casa dos nossos pais, respetivamente. Nunca tivemos ideia de alugar seja o que for, para nós é como "dar o ouro aos bandidos", não que num mau sentido, mas a gastar, gastamos em algo que é nosso.

    O nosso background é:

    Disponibilidade: 30k
    Crédito: Sim, iremos tentar cerca de 60 a 70% do valor da casa.
    Valor previsto: 200k, com possibilidade de derrapagem para 220k.
    Local da construção: Felgueiras.
    Terreno: 800m2 em zona de loteamento. Local pacato e retirado da confusão. (Fotos no final do post)

    Ponto de situação:

    Já fizemos a seleção do gabinete de arquitetura que nos irá acompanhar nesta jornada. Obtivemos uma boa recomendação do mesmo e tem aspeto de quem faz as coisas acontecer. Em termos de preços também foi a melhor proposta que obtivemos, portanto, juntou-se o útil ao agradável.

    Temos atualmente o projeto de arquitetura para aprovação na câmara municipal, ao qual estamos a espera de resposta.
    (Fotos no final do post)

    A ideia base da nossa futura família ideal é de 1 ou 2 filhos, portanto dois quartos "gémeos" no que toca a design e espaço.
    Suite com wc privado e closet.
    Cozinha open space ou "estilo americano" com acesso direto à sala de jantar/estar, a única separação "física" é o pavimento.
    Um wc comum para os dois quartos.
    Um wc de serviço no open space.
    No piso inferior, teremos garagem para 2 carros, lavandaria, e escritório. Como temos negocio próprio, decidimos "separar" o escritório da zona habitacional. Caso seja necessário algumas reuniões mais casuais não têm acesso há nossa zona privada.
    Temos ainda espaço para um ginásio e posteriormente mais um quarto se necessário.

    Ainda estamos no inicio, muitas ideias e muitas incertezas também. Uma das "limitações" que nos deixa mais inquietos é o facto de tanto eu como a minha companheira sermos filhos únicos, ou seja, mais cedo ou mais tarde os nossos pais vão precisar de cuidados especiais, assim como acessos. Queria-mos englobar no projeto uma rampa de acesso por cadeira de rodas, mas não estamos certos se agora será o momento. Estamos mesmo indecisos neste assunto. Se tiverem alguma recomendação agradecemos.

    Por enquanto é tudo que temos! Iremos atualizar este Diário assim que se justifique. Até já!
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Casa da Horta, Diii, RUIOLI, lpetinga
      1234.jpg
      22.JPG
      12.JPG
      12345.jpg
  2.  # 2

    Assim por alto o que me chama mais a atenção, pela negativa, é a existência de demasiados tipos de revestimento/texturas/cores.

    Branco, cinza, granito, xisto... Mais os pilaretes metálicos e os rasgos verticais... Acho que ficaria tudo muito melhor, mais intemporal, mais "fino" e mais barato se simplificassem isso.

    De resto... Havendo pequenas coisas que alterava, não me parece má solução.
    Concordam com este comentário: PedroCosta21, nortenho66, dmatos, Tjda
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21, Dani.pinto
  3.  # 3

    As escadas com Is no andar sobre os primeiros 3 ou 4 degraus, não me parece que fique regulamentar.
    Como o Pedro já referiu, demasiados materiais. Eu acrescentaria demasiadas reentrâncias no volume, a plata no geral tem uma distribuição equilibrada mas a pseudo varanda do quarto parece inútil (pelo tamanho) e a da sala nem é carne nem peixe.
    Concordam com este comentário: Pedro Barradas, PedroCosta21, dmatos
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21, Dani.pinto
  4.  # 4

    Colocado por: Pedro BarradasAssim por alto o que me chama mais a atenção, pela negativa, é a existência de demasiados tipos de revestimento/texturas/cores.

    Branco, cinza, granito, xisto... Mais os pilaretes metálicos e os rasgos verticais... Acho que ficaria tudo muito melhor, mais intemporal, mais "fino" e mais barato se simplificassem isso.

    De resto... Havendo pequenas coisas que alterava, não me parece má solução.
    Concordam com este comentário:PedroCosta21,nortenho66
    Estas pessoas agradeceram este comentário:PedroCosta21

    Agradecemos desde já a opinião/sugestão.
    A parte do xisto que está nas imagens não será esse. Será do mesmo tipo de "pedra" mas em cinza. A nossa ideia é só "quebrar" um pouco o estilo mais minimalista que vemos em quase todo o lado ultimamente. Mas iremos pensar na sugestão! Obrigado.
  5.  # 5

    ... Não sei onde anda o norte. Mas fechava ou reduzia o envidraçado da sala de estar para a via, abri tudo para a zona da piscina. Realmente o alpendre exterior... Deveria ter do lado da piscina uns 2.50m de profundidade mínima. Mas sem saber a orientação solar, é complicado opinar.
    Concordam com este comentário: PedroCosta21, nortenho66
  6.  # 6

    Colocado por: nortenho66As escadas com Is no andar sobre os primeiros 3 ou 4 degraus, não me parece que fique regulamentar.
    Como o Pedro já referiu, demasiados materiais. Eu acrescentaria demasiadas reentrâncias no volume, a plata no geral tem uma distribuição equilibrada mas a pseudo varanda do quarto parece inútil (pelo tamanho) e a da sala nem é carne nem peixe.
    Concordam com este comentário:Pedro Barradas,PedroCosta21
    Estas pessoas agradeceram este comentário:PedroCosta21

    Não consegui perceber a primeira parte do seu comentário. Consegue explicar melhor por favor?
    No que toca há varanda dos quartos, ambos gostamos deste tipo de "varandas" e também é bastante útil quando efetuamos limpezas, pois dá sempre para pendurar umas quantas coisas. Obrigado.
  7.  # 7

    Use a pedra da região, decorrente da arquitectura tradicional... Simplifique e mostrem uma casa com bom gosto, intemporal.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21
  8.  # 8

    Colocado por: Pedro Barradas... Não sei onde anda o norte. Mas fechava ou reduzia o envidraçado da sala de estar para a via, abri tudo para a zona da piscina. Realmente o alpendre exterior... Deveria ter do lado da piscina uns 2.50m de profundidade mínima. Mas sem saber a orientação solar, é complicado opinar.
    Concordam com este comentário:PedroCosta21

    qcu.jpg
    Desculpe a forma tosca, mas o norte é para o lado esquerdo da casa, vendo esta da frente de estrada.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Pedro Barradas
  9.  # 9

    Vou seguir. Lembro-me de já antes ter visto esta foto do terreno...
    Boa sorte ;-)
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21
    •  
      Mk Pt
    • 30 agosto 2021

     # 10

    A casa não é acessível.
    Não entendo como passados tantos anos desde a publicação do 163/2006 existem técnicos (arquitectos?!) a meterem projectos numa CM sem cumprir com a legislação.
  10.  # 11

    Sul é do lado da piscina. Mais uma razão para ter a pala dimensionada devidamente. Protege os envidraçados do sol no Verão e permite a entrada dos raios de sol no Inverno.
    E assim pode e deve fechar mais essa fachada a poente... Muito devassada a privacidade da sala, ainda por cima com esse declive (na fotografia não parece existir...)
    Concordam com este comentário: PedroCosta21
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21
  11.  # 12

    Colocado por: Pedro BarradasSul é do lado da piscina. Mais uma razão para ter a pala dimensionada devidamente. Protege os envidraçados do sol no Verão e permite a entrada dos raios de sol no Inverno.
    E assim pode e deve fechar mais essa fachada a poente... Muito devassada a privacidade da sala, ainda por cima com esse declive (na fotografia não parece existir...)
    Concordam com este comentário:PedroCosta21
    Estas pessoas agradeceram este comentário:PedroCosta21

    Realmente é uma solução que nos está a agradar muito, a parte de abrir a frente da piscina e fechar a frente. Até porque nos dá outra privacidade sim. Obrigado pela sugestão!

    Colocado por: Mk PtA casa não é acessível.
    Não entendo como passados tantos anos desde a publicação do 163/2006 existem técnicos (arquitectos?!) a meterem projectos numa CM sem cumprir com a legislação.

    Como assim?
  12.  # 13

    Colocado por: PedroCosta21Não consegui perceber a primeira parte do seu comentário.

    É questão técnica a colocar ao seu arquitecto, pergunte-lhe qual a altura do 2 e 3 degrau ao tecto na garagem tendo em conta que por cima vai ter uma WC.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21
    •  
      Mk Pt
    • 30 agosto 2021

     # 14

    Colocado por: PedroCosta21

    Como assim?

    A casa não é acessível a uma cadeiras de rodas.
    Não é complicado resolver, mas não estar no projecto que entra na CM revela descuido ou desconhecimento da legislação.

    Igualmente, é obrigatório uma casa de banho completa, ou seja, com bidé, e se a casa de banho maior levar bidé também não é acessível numa configuração idêntica à que tem.
    Mesmo como está a casa de banho, sem bidé, é duvidoso que seja acessível - espaço livre obrigatório de 1,2m x 0.75m ao lado da banheira e da sanita faz com que a sanita tenha de ir mais para perto da porta e fica no limite ou não tem 1.2m entre sanita e a parede, que é largura obrigatória para ter a porta de abrir.
    Concordam com este comentário: PedroCosta21
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21
  13.  # 15

    Eu penso que esse layout da cozinha está mauzinho.

    Meteu a placa num canto!

    Veja se pode puxar a janela a partir da esquina, e meta lá a banca.

    E também pode testar a omissão da ilha e transformar isso em península, porque tem pouco espaço para circular de ambos os lados.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21
  14.  # 16

    Colocado por: Mk Pt
    A casa não é acessível a uma cadeiras de rodas.
    Não é complicado resolver, mas não estar no projecto que entra na CM revela descuido ou desconhecimento da legislação.

    Igualmente, é obrigatório uma casa de banho completa, ou seja, com bidé, e se a casa de banho maior levar bidé também não é acessível numa configuração idêntica à que tem.
    Mesmo como está a casa de banho, sem bidé, é duvidoso que seja acessível - espaço livre obrigatório de 1,2m x 0.75m ao lado da banheira e da sanita faz com que a sanita tenha de ir mais para perto da porta e fica no limite ou não tem 1.2m entre sanita e a parede, que é largura obrigatória para ter a porta de abrir.
    Concordam com este comentário:PedroCosta21
    Estas pessoas agradeceram este comentário:PedroCosta21

    Muito obrigado pela muito boa explicação!
    Não faço ideia das leis mas vou expor a situação ao meu arquiteto, uma vez que é um dos pontos que me está a criar algumas duvidas.
  15.  # 17

    Pessoalmente,não vejo necessidade nenhuma desse ripado na entrada, mas compreendo que os arquitetos definam aí uma zona de pausa.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21
  16.  # 18

    Colocado por: ricardo.rodriguesEu penso que esse layout da cozinha está mauzinho.

    Meteu a placa num canto!

    Veja se pode puxar a janela a partir da esquina, e meta lá a banca.

    E também pode testar a omissão da ilha e transformar isso em península, porque tem pouco espaço para circular de ambos os lados.
    Estas pessoas agradeceram este comentário:PedroCosta21


    O layout da cozinha é provisório! A ilha é um "must have" para a minha companheira, mas o layout ainda vai ser alterado. Ela até queria a banca em frente a janela, mas não sabemos se em termos de desing irá ficar bem, uma vez que queremos a cozinha em estilo moderno e minimalista. Mas ainda iremos ver algumas opções em 3D com os responsáveis por nos fabricarem a cozinha.

    Colocado por: ricardo.rodriguesPessoalmente,não vejo necessidade nenhuma desse ripado na entrada, mas compreendo que os arquitetos definam aí uma zona de pausa.
    Estas pessoas agradeceram este comentário:PedroCosta21


    Neste caso foi mesmo um pedido nosso ahahaha :)
    •  
      Mk Pt
    • 30 agosto 2021 editado

     # 19

    Colocado por: PedroCosta21
    Muito obrigado pela muito boa explicação!
    Não faço ideia das leis mas vou expor a situação ao meu arquiteto, uma vez que é um dos pontos que me está a criar algumas duvidas.


    Se o 3d estiver +/- rigoroso com a topografia do terreno/estrada, a forma simples de resolver a entrada da cadeira de rodas é colocar no muro um segundo portão para pessoas mais 'acima' do terreno, ou então mudar o portão que tem mais para 'cima', e fazer um pouco de rampa em vez da escada, mas o portão deixa de estar alinhado com a porta.

    A casa de banho acessível é como disse, precisa de espaço livre de 1.2m x0.75m ao lado da banheira e da sanita. Em frente ao lavatório precisa igualmente de 1.2x0.75 livres e a porta, sendo de batente, precisa de espaço de 1.4m (comprimento)x1.2m (largura) livres (na zona onde faz a abertura). Na casa de banho deve ainda haver espaço livre para a cadeira de rodas rodar, que é uma circunferência de diâmetro de 1.5m que deve estar livre, a abertura da porta não deve ser sobre essa circunferência/espaço livre, mas neste caso da circunferência de 1.5m de diâmetro pode sobrepor-se um pouco à sanita e ao lavatório.


    Sobre o bidé, a obrigação deriva de uma lei antiga (RGEU) mas ainda em vigor.
    Há camaras municipais onde passa, outras nem por isso.
    Concordam com este comentário: PedroCosta21
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21
  17.  # 20

    Colocado por: Mk Ptmas o portão deixa de estar alinhado com a porta.

    Se calhar quando recebem pessoas, até entravam logo para a zona da piscina.. para a sala. Será que irão usar a porta de entrada "principal", subir aquelas escadas, os pais, os sogros os avós e etc...Mas ninguém pensa nisso? Ou numa festa, entram pela porta de entrada!? não será melhor receber logo na zona social exterior?
    A opção de um portão pedonal secundário na cota superior do terreno/ complanar com o arruamento, é o ideal neste caso.
    Concordam com este comentário: PedroCosta21, Mk Pt
    Estas pessoas agradeceram este comentário: PedroCosta21
 
0.0219 seg. NEW