Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Colocado por: Pickaxe
    Quem tem boas reformas não tem que se preocupar com a casa própria. Um português médio, se não tiver casa própria vive o resto dos seus dias na miséria.


    Exacto. Este argumento do "ah, os Portugueses também têm a 'mania' de ter casa própria..." é atirado ao ar como se a conjetura não nos atirasse, em parte, para isso. Como se fosse o Português que tem vícios luxuosos, quando, na verdade, se vê na construção que tentam cortar em tudo o que conseguem.

    Nos dias em que um casal sem filhos com os tais rendimentos brutos de 80.000€~90.000€ brutos/ano tem dificuldades em construir a sua própria casa, o que é que a indústria da construção está a fazer?
    Das três uma,
    - ou a realidade do país muda (e os médicos deixam de ganhar menos que os trolhas, por exemplo),
    - ou os empreiteiros caem na real dos orçamentos (que fazem com que os projectos ficam na gaveta),
    - ou caem os negócios (como já aconteceu, e cá estamos vivos na mesma).

    Neste momento o cenário até pode estar aceitável para alguns, mas esta tendência é insustentável. E não é só na construção.
    Concordam com este comentário: desofiapedro
  2.  # 2

    Colocado por: ThingsHappenquando, na verdade, se vê na construção que tentam cortar em tudo o que conseguem.

    Onde?
    Diga ao futuro cliente que não pode ter um T# com mais de 120m2, que escritório é só para ricos, que piscina está fora de questão, que os carros ficam na rua, que a PRH e a VMC são luxos e vai ver o que ele lhe diz.
    Sim, nós temos que mudar radicalmente a nossa mentalidade.
  3.  # 3

    Colocado por: ThingsHappenOs salários são públicos e tabelados, ao contrário dos custos de construção...


    Este comentário ganhou! ahhaha
    Concordam com este comentário: JotaP
    Estas pessoas agradeceram este comentário: ThingsHappen
  4.  # 4

    Colocado por: ThingsHappenNeste momento o cenário até pode estar aceitável para alguns, mas esta tendência é insustentável.

    É verdade!
    E acredite que aqueles que agora estão a delirar com esta escalada de preços são os primeiros a ir ao charco.
    Os outros, estão a tentar usar o lucro para se restruturarem para os dias maus que aí vêm.
  5.  # 5

    Colocado por: zedasilva
    Onde?
    Diga ao futuro cliente que não pode ter um T# com mais de 120m2, que escritório é só para ricos, que piscina está fora de questão, que os carros ficam na rua, que a PRH e a VMC são luxos e vai ver o que ele lhe diz.
    Sim, nós temos que mudar radicalmente a nossa mentalidade.


    O escritório é como um pequeno quarto.
    Agora, o cliente que acha que não pode abdicar da piscina, por exemplo...obviamente não é o cliente de que estamos a mencionar.

    Alguém tem dúvidas que existe imensa "colherada" nos orçamentos?
    Eu tenho um caderno de necessidades em que até a porcaria das dobradiças estão especificadas (apesar de não terem que ser, forçosamente aquelas peças, podem ser semelhantes) e tenho variações de 50% entre orçamentos...preços de construção de 3000€/m2 contando com área não útil (não tenho rococós e acabamentos da moda)...

    Começo a pensar em começar a construí-la eu, com as minhas mãos! hehe!
  6.  # 6

    Colocado por: ThingsHappenEu tenho um caderno de necessidades em que até a porcaria das dobradiças estão especificadas

    Muitas vezes é isto que faz disparar os valores. A grande maioria dos empreiteiros, em especial aqueles que estão a praticar estes preços malucos não vê isso como uma mais valia para dar um preço justo mas sim como um alerta para carregar nos preços
    Concordam com este comentário: emv
  7.  # 7

    Colocado por: ThingsHappen

    Exacto. Este argumento do "ah, os Portugueses também têm a 'mania' de ter casa própria..." é atirado ao ar como se a conjetura não nos atirasse, em parte, para isso. Como se fosse o Português que tem vícios luxuosos, quando, na verdade, se vê na construção que tentam cortar em tudo o que conseguem.

    Nos dias em que um casal sem filhos com os tais rendimentos brutos de 80.000€~90.000€ brutos/ano tem dificuldades em construir a sua própria casa, o que é que a indústria da construção está a fazer?
    Das três uma,
    - ou a realidade do país muda (e os médicos deixam de ganhar menos que os trolhas, por exemplo),
    - ou os empreiteiros caem na real dos orçamentos (que fazem com que os projectos ficam na gaveta),
    - ou caem os negócios (como já aconteceu, e cá estamos vivos na mesma).

    Neste momento o cenário até pode estar aceitável para alguns, mas esta tendência é insustentável. E não é só na construção.
    tem de ouvir mais o Marcelo o homem atira umas bocas de vez em quando mas às vezes acerta. Hoje em dia constroi-se para os estrangeiros e apos ouvir o homem dei-me ao trabalho de fazer umas pesquisas fora de Portugal e comprova-se preços e imóveis q nem surgem no mercado tuga e proibitiva para os tugas e são estes q estão a puxar pelos preços. E recentemente vi uma notícia dos americanos q vêm para Portugal e gozam com o rendimento tuga dizendo q até é crime o q conseguem poupar em Portugal e ainda têm de borla educação e hospitais pagos pelos tugas. E se vir em algumas cidades dos USA você necessita ganhar uns bons 150k ano para pagar um apartamento numa cidade grande, aqui em Portugal compra pelo preço da uva mijona para os salários deles. E não é só os endinheirados que vêm para Portugal, cada vez mais existe o conceito do nomeada digital que faz o trabalho em QQ parte do mundo e portugal até em **** de Judas tem fibra. Resumindo o tuga está lixado com o alto patrocínio dos governantes q querem é investimento estrangeiro.
    Concordam com este comentário: Vítor Magalhães, lpetinga, t1ger
  8.  # 8

    Colocado por: ThingsHappen
    Começo a pensar em começar a construí-la eu, com as minhas mãos! hehe!


      Se quiser ajuda, por 5000 euros liquidos por mês estou disponível. Vou fazer formação de pedreiro este verão.
    •  # 9

      Colocado por: zedasilva
      Pois posso-lhe dizer que conheço uma boa mão cheia que ganha bem mais que isso por 8h de trabalho e com direito a carro da empresa.
      Levantam-se é às 6 da manha para fazerem mais de 100km e ás 8 estarem no estaleiro. tem 10 minutos de pausa a meio da manhã e outros 10 a meio da tarde. Produzem durante um mês bem perto dos 5.000€.
      A questão da valorização do trabalho é algo muito subjetivo. Nem todos os médicos salvam vidas nem todos os trolhas são bêbados e burros.
      Há muito médico que o único valor que tem é o de ter facilidade em marrar e empinar conhecimento
      Concordam com este comentário:Vítor Magalhães
      Isso é um encarregado, nao é Um pedreiro comum
    •  # 10

      Colocado por: N Miguel Oliveira

      Depende do formato e da orientação. Pode encostar a norte por exemplo, sem vãos, sobra mais espaço a sul para jardins etc... Também é preciso que o PDM permita um índice de ocupação do solo de quase 50%... não é assim tão comum.

      Depende do caso. Não é assim tão linear.


      Meu caso 313 de terreno, 150 de implantação permitida...se fizer garagem, posso esquecer a piscina....

      Já agora dúvida. Qdo dizem as regras e me mencionam dois pisos acima da cota zero, quer dizer que não pode ter 1 só piso, ou os dois pisos é como limite?
    •  # 11

      Colocado por: zedasilva
      Claro que sim.
      Não vamos (pelo menos uma grande parte de nós) é ter possibilidades disso.
      Eu tb gostava de ter feito como os meus pais que compraram em 74 uma casa usada com capitais próprios. O como os meus avós que na década de 40 construíram as deles com a ajuda dos amigos e da familia.
      Eu já tive que recorrer ao crédito.
      Sei que o meu filho mais novo certamente já terá muita dificuldade nisso.
      Ha uns anos vinha se para fora e ao fin de meia duzia anos levava se dinheiro para construir uma casa , agora ao fim de uns anos junta-se dinheiro para ao fin de uns anos ter possibilidades para poder pedir empréstimo para uma casa
    •  # 12

      Colocado por: ThingsHappenComo se fosse o Português que tem vícios luxuosos, quando, na verdade, se vê na construção que tentam cortar em tudo o que conseguem.
      Devemos estar a falar de portugueses diferentes:)
      • DR1982
      • 13 junho 2022 editado

       # 13

      Colocado por: PedroeLara

      Se quiser ajuda, por 5000 euros liquidos por mês estou disponível. Vou fazer formação de pedreiro este verão.
      Força ao fim do verão todo, se o aguentar, ja consegue arranjar mais facilmente trabalho como Servente :)

      Mas esta ai uma boa ideia, ja que os pedreiros ganham tanto, basta arregaçar as mangas e começar a construir, esta o assunto resolvido 😀
      Ao fim do dia e aos fins de semana, ferias, tal como alguns fizeram ha uns anos atras
    •  # 14

      Colocado por: zedasilva
      Muitas vezes é isto que faz disparar os valores. A grande maioria dos empreiteiros, em especial aqueles que estão a praticar estes preços malucos não vê isso como uma mais valia para dar um preço justo mas sim como um alerta para carregar nos preços


      Ou seja, preso por ter cão e preso por não ter...
      Se um tipo faz uns rabiscos num guardanapo, é porque não especifica. Se entrega um manual de como orçamentar para totós é porque é demasiado detalhe.

      De notar que eu explico sempre que pode ser o material escolhido ou equivalente (com um par de excepções que são generalizadas na indústria), disponibilizo-me, assim como ao arquitecto e gabinete de engenharia para quaisquer esclarecimentos, e mesmo assim recebo orçamentos que me parecem completamente atirados à sorte.

      Depois a população em geral tem medo de construír casa porque "perde anos de vida", "se o empreiteiro não rouba pela frente, rouba por trás", etc.



      Colocado por: pedrorainhotem de ouvir mais o Marcelo o homem atira umas bocas de vez em quando mas às vezes acerta. Hoje em dia constroi-se para os estrangeiros e apos ouvir o homem dei-me ao trabalho de fazer umas pesquisas fora de Portugal e comprova-se preços e imóveis q nem surgem no mercado tuga e proibitiva para os tugas e são estes q estão a puxar pelos preços. E recentemente vi uma notícia dos americanos q vêm para Portugal e gozam com o rendimento tuga dizendo q até é crime o q conseguem poupar em Portugal e ainda têm de borla educação e hospitais pagos pelos tugas. E se vir em algumas cidades dos USA você necessita ganhar uns bons 150k ano para pagar um apartamento numa cidade grande, aqui em Portugal compra pelo preço da uva mijona para os salários deles. E não é só os endinheirados que vêm para Portugal, cada vez mais existe o conceito do nomeada digital que faz o trabalho em QQ parte do mundo e portugal até em **** de Judas tem fibra. Resumindo o tuga está lixado com o alto patrocínio dos governantes q querem é investimento estrangeiro.
      Concordam com este comentário:Vítor Magalhães,lpetinga


      Portanto, para comprar em Portugal a dica é deixar de ser Português. Tomei nota!



      Colocado por: PedroeLara

      Se quiser ajuda, por 5000 euros liquidos por mês estou disponível. Vou fazer formação de pedreiro este verão.


      Se os empreiteiros pagam o que se fala por aqui, não é a coisa mais descabida de sempre!
      A cara do meu chefe quando eu lhe disser que deixei a minha carreira para ir assentat tijolo...se calhar pergunta-me se pode vir comigo.

      Numa toada mais séria, respeito o trabalho de todos os que o fazem bem. Mas não pareço conseguir encontrar duas pessoas a dizer o mesmo. Tanto se fala de "pouco acima do salário mínimo" como "2000€ limpos" para as mesmas posições. Os custos parecem semelhantes aos de certas zonas em Espanha que tem o salário mínimo que se sabe.
      Não pode estar toda a gente a dizer a verdade.
      Concordam com este comentário: PedroeLara
      • sltd
      • 13 junho 2022

       # 15

      Colocado por: ThingsHappen

      O escritório é como um pequeno quarto.
      Agora, o cliente que acha que não pode abdicar da piscina, por exemplo...obviamente não é o cliente de que estamos a mencionar.

      Alguém tem dúvidas que existe imensa "colherada" nos orçamentos?
      Eu tenho um caderno de necessidades em que até a porcaria das dobradiças estão especificadas (apesar de não terem que ser, forçosamente aquelas peças, podem ser semelhantes) e tenho variações de 50% entre orçamentos...preços de construção de 3000€/m2 contando com área não útil (não tenho rococós e acabamentos da moda)...

      Começo a pensar em começar a construí-la eu, com as minhas mãos! hehe!

      Não é a piscina que leva o grosso do orçamento (no meu caso 10K). O problema é a parte da estrutura. Os empreiteiros estão a meter a mão aí, porque sabem que é onde o DO não pode cortar.
      Concordam com este comentário: Leonel46
    •  # 16

      Colocado por: ThingsHappenNão é verdade, pode corrigir para não espalhar informação errada.

      Aproximadamente 2750€/mês brutos para médicos especialistas no SNS.
      Ou seja, no final do mês vêm pouco mais de 1700€ limpos.
      Os salários são públicos e tabelados, ao contrário dos custos de construçã


      Peço desculpa...regionalismos. Aqui o salário de um recém especialista sem exclusividade são 3.200€ brutos base mensal (falta a componente variável), com o novo contrato, portanto 40h semanais. Salário bruto inclui o subsidio de insularidade (exclusivo da RAMadeira).
      Relativamente ao salário liquido, irá depender em muito da situação particular de cada um.

      Os 1.800€ referidos por alguém aqui, referem-se a médicos internos, no seu período de especialização. Nem sei se o valor bruto base chega a esses valores, mas como são elementos que fazem muita urgência, é normal auferirem valores bem mais elevados.
    •  # 17

      Colocado por: sltdO problema é a parte da estrutura.
      Sao otimizidas desde início? Ou quer se os cantos e recantos e o diabo a sete e depois o empreiteiro é que escalda?
    •  # 18

      Colocado por: Palmix

      Peço desculpa...regionalismos. Aqui o salário de um recém especialista sem exclusividade são 3.200€ brutos base mensal (falta a componente variável), com o novo contrato, portanto 40h semanais. Salário bruto inclui o subsidio de insularidade (exclusivo da RAMadeira).
      Relativamente ao salário liquido, irá depender em muito da situação particular de cada um.

      Os 1.800€ referidos por alguém aqui, referem-se a médicos internos, no seu período de especialização. Nem sei se o valor bruto base chega a esses valores, mas como são elementos que fazem muita urgência, é normal auferirem valores bem mais elevados.


      Ainda há dias vi o que oferecem para Santa Maria, nos Açores, com viagens, rendas, um aumento muito significativo no salário e o diabo a quatro, até o carro levam para lá.
      É representativo da generalidade?

      Qual é a dificuldade de dizer "Um médico especialista no SNS tem um contrato de aproximadamente 2700€/mês dos quais vê +/- 1700€ limpos"?.
      Porque é que temos que ir buscar a singularidade da Madeira (onde estão 2% dos médicos) ou de onde quer que seja?
    •  # 19

      Colocado por: zedasilva
      É verdade!
      E acredite que aqueles que agora estão a delirar com esta escalada de preços são os primeiros a ir ao charco.
      Os outros, estão a tentar usar o lucro para se restruturarem para os dias maus que aí vêm.


      Lá está, eu julgo que desses é que o mercado precisa, até porque vão cá ficar mais tempo.

      Eu percebo todos os pontos que são compreensíveis. A falta de mão de obra, o aumento dos custos das matérias, e, acima de tudo, que eu tenho que dar uma margem de lucro ao empreiteiro.

      Mas tenho recebido orçamentos, e alguns até com boas recomendações, que honestamente preferia não ter recebido. E quanto mais elevado é o valor, menos claros são os detalhes.
    •  # 20

      Concordo, pelos orçamentos que recebi os valores da estrutura estão muito altos
      Concordam com este comentário: PedroeLara
     
    0.0486 seg. NEW