Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Bom dia, em tom de desabafo, tive de tomar a decisão de suspender construção da moradia onde iria residir, com projeto pronto, com datas marcadas, tudo pronto para avançar. A revisão de orçamentos só muito por alto aponta-me para facilmente uns 25% de aumento global desde o inicio do ano. Ora em 400k€ são 100k€ de aumento! Tudo isto está absolutamente de doidos, inflação em tudo, desde a matéria prima, aos produtos derivados, à mão de obra. Como pode o mercado aguentar tais disparos? O técnico instalador e trolha, virou o rei disto tudo, trabalha como quer, quando quer, ao preço que quer. Sinto que isto vai tudo rebentar, o meu projeto de casa está suspenso indefinitivamente.

    Qual a vossa opinião? Isto tem fim à vista? Alguma vez na história se viu correções de preços posteriores em níveis do que estamos a falar? Ferro, alumínio, vidro, cobre, eps/xps, tudo simplesmente inacreditável, materiais com aumentos em alguns casos mensais. Como gere a banca tais disparos face às avaliações que o comum do mortal precisa?

    Sinto que corremos para o abismo em velocidade acelerada. Impossível iniciar viagem de construção nestas condições e mesmo a gerir empreitada a empreitada.
    Concordam com este comentário: RUIOLI
  2.  # 2

    Colocado por: d1000Como pode o mercado aguentar tais disparos?

    Quem pode ou não aguentar é o consumidor final, a maioria dos restantes estão a "mamar" enquanto podem.
    Concordam com este comentário: areia, paulocesarr, Ana_Dado, somdigital, jg_sousa, adhaura, Susi
  3.  # 3

    Colocado por: d1000Ferro, alumínio, vidro, cobre, eps/xps, tudo simplesmente inacreditável, materiais com aumentos em alguns casos mensais.

    Na indústria há fornecedores a dar orçamentos de metais com validade de 24h. A volatilidade actual é bestial...
    Concordam com este comentário: macinblack, Vítor Magalhães
  4.  # 4

    Colocado por: Bruno.Alves
    Na indústria há fornecedores a dar orçamentos de metais com validade de 24h. A volatilidade actual é bestial...


    Está tudo doido...
  5.  # 5

    Já falta pouco para estoirar, os nuestros hermanos já estão a entrar aí pela porta adentro, é uma questão de tempo. Aguarde.
    •  
      RRoxx
    • 10 Setembro 2021

     # 6

    Colocado por: TroinoJá falta pouco para estoirar, os nuestros hermanos já estão a entrar aí pela porta adentro, é uma questão de tempo. Aguarde.


    já ca estão ha muitos anos Troino...
  6.  # 7

    Colocado por: RRoxx

    já ca estão ha muitos anos Troino...


    Verdade, mas cada vez em maior dimensão e com outros valores.
  7.  # 8

    Está tudo com o frigorífico cheio... É ter calma.
  8.  # 9

    Colocado por: TroinoJá falta pouco para estoirar, os nuestros hermanos já estão a entrar aí pela porta adentro, é uma questão de tempo. Aguarde.


    Não percebi, o que quer dizer com "os nuestros hermanos já estão a entrar aí" ?
  9.  # 10

    eu acho é que deviamos chamar os chineses
    Concordam com este comentário: adhaura
  10.  # 11

    Colocado por: d1000 Impossível iniciar viagem de construção nestas condições e mesmo a gerir empreitada a empreitada.


    Quantos m² tem a casa?
    Piscina?
    VMC duplo fluxo?
    Grandes areas de vidro?
    Soalhos?
    Pavimentos radiantes?
    Cozinhas com bancadas Dektons e afins?
    WC com sanitas embutidas/encastradas nas paredes?
    Que luxos tem?
  11.  # 12

    Colocado por: d1000Bom dia, em tom de desabafo, tive de tomar a decisão de suspender construção da moradia onde iria residir, com projeto pronto, com datas marcadas, tudo pronto para avançar. A revisão de orçamentos só muito por alto aponta-me para facilmente uns 25% de aumento global desde o inicio do ano. Ora em 400k€ são 100k€ de aumento! Tudo isto está absolutamente de doidos, inflação em tudo, desde a matéria prima, aos produtos derivados, à mão de obra. Como pode o mercado aguentar tais disparos? O técnico instalador e trolha, virou o rei disto tudo, trabalha como quer, quando quer, ao preço que quer. Sinto que isto vai tudo rebentar, o meu projeto de casa está suspenso indefinitivamente.

    Qual a vossa opinião? Isto tem fim à vista? Alguma vez na história se viu correções de preços posteriores em níveis do que estamos a falar? Ferro, alumínio, vidro, cobre, eps/xps, tudo simplesmente inacreditável, materiais com aumentos em alguns casos mensais. Como gere a banca tais disparos face às avaliações que o comum do mortal precisa?

    Sinto que corremos para o abismo em velocidade acelerada. Impossível iniciar viagem de construção nestas condições e mesmo a gerir empreitada a empreitada.

    Se fizesse uma de 200k, só derrapava 50k.
    A solucao é fazer um projecto mais pequeno.
    Quanto maior o projecto mais eles abrem a boca.
    Mas isto está tudo maluco. A desculpa da falta de mao de obra e preços de materiais justifica o injustificavel.
  12.  # 13

    A única pessoa que deve estar em crise deve ser você, e não o imobiliário, está-se a vender tudo como pãozinhos quentes. É o mercado a funcionar, toda gente pode ganhar dinheiro menos o trolha.
    Concordam com este comentário: Antonioconceicao, adhaura
  13.  # 14

    É o efeito da pandemia, que tem originado escassez de muitos materiais e componentes, tendo impacto directo na oferta, portanto, a lei do mercado ao vir ao de cima, com muita procura e pouca oferta, os preços tendem mesmo a aumentar, e paga quem pode.
    Até a Autoeuropa já teve que parar a Produção duas vezes, este ano, por falta de componentes para os seus carros.
    Provavelmente irá demorar uns bons meses até voltar à normalidade.
  14.  # 15

    Colocado por: azwsedcrfvA única pessoa que deve estar em crise deve ser você, e não o imobiliário, está-se a vender tudo como pãozinhos quentes. É o mercado a funcionar, toda gente pode ganhar dinheiro menos o trolha.


    não vale a pena defender um dos lados, sabemos bem do que a casa gasta na AML

    acha por exemplo que 1 m2 de determinado material tem um custo PVP de 12 € se esteja a pedir com aplicação 35 €/ m2 ?
  15.  # 16

    Colocado por: paulocesarr

    Não percebi, o que quer dizer com "os nuestros hermanos já estão a entrar aí" ?


    Não é para levar a sério, sou só eu a fazer lobby para descer preços.
    • AMVP
    • 10 Setembro 2021

     # 17

    Colocado por: TroinoJá falta pouco para estoirar, os nuestros hermanos já estão a entrar aí pela porta adentro, é uma questão de tempo. Aguarde.

    E esperemos que entrem mais no mercado particular. Nos das obras publicas ja tem algum impacto na descida de precos.
  16.  # 18

    Colocado por: AMVPNos das obras publicas ja tem algum impacto na descida de precos.

    Descida de preços nas obras públicas!!! não sabe do que fala, aquilo já está tudo rapadinho.
    Concordam com este comentário: Pedro Barradas
    Estas pessoas agradeceram este comentário: m_s_s
    • AMVP
    • 10 Setembro 2021

     # 19

    Colocado por: Picareta
    Descida de preços nas obras públicas!!! não sabe do que fala, aquilo já está tudo rapadinho.
    Concordam com este comentário:Pedro Barradas

    E voce so diz disparates
  17.  # 20

    Colocado por: AMVPE voce so diz disparates

    Eu falo do que sei, e você fala do que desconhece.